Resultado de imagem para seguro de vida

Ter um seguro de vida hoje em dia não é mais artigo de luxo, é necessidade. O serviço é de suma importância para qualquer pessoa, em especial aqueles que têm filhos, pois o serviço oferece um amparo nos momentos de maiores necessidades. No entanto, as seguradoras se aproveitam desse serviço tão importante aos cidadãos através de algumas estratégias que fazem com que o cliente gaste mais dinheiro ao contratar o serviço.

A primeira coisa para quem mergulhou de cabeça no assunto, é entender que o seguro de vida não é apenas para quando a pessoa morre. O seguro de vida hoje em dia expandiu bastante e abrange as pessoas vivas. Por isso, o termo mais comum usado é seguro de pessoas, embora, o mais conhecido seja seguro de vida. Para as pessoas vivas, funcionam da seguinte forma: Um cantor depende da voz para ganhar dinheiro, então ele contrata um seguro de vida que irá cobrir todas as despesas (dentro do plano contratado), caso ele perca a possibilidade de cantar.

Se você se interessou pelo seguro de vida e deseja contratar um serviço, confira abaixo 3 dicas valiosas para não perder dinheiro na hora de escolher um seguro de vida:

  1. Conheça os planos oferecidos pela seguradora que vão além do caso de morte

O seguro de vida que auxilia a família no momento da morte, beneficia todos os dependentes do titular que contratou o serviço. Já no caso do seguro de vida para vivos, o beneficio vai para o titular. O seguro ideal deve ser aquele que atenda as suas necessidades, sem exageros e sem restrições, exatamente como você precisa.

Os planos mais comuns são:

– Incapacidade temporária

– Diagnóstico de doenças graves

– Invalidez parcial ou total

Algumas seguradoras ainda oferecem a opção de resgate do valor pago mensalmente em algum momento. Por isso é importante ver todas as regras e as opções ofertadas.

  1. Pesquise mais de uma seguradora antes de contratar o serviço

Essa é uma regra básica para quem quer economizar. Pesquisar os melhores serviços, os melhores preços e as melhores condições, é sempre valido para contratar qualquer serviço. No caso de um seguro de vida, a regra também é aplicável. O contratante deve conhecer o serviço de algumas seguradoras antes de contratar, para que possa ser feito uma comparação de valores e benefícios. Dessa forma é muito mais fácil decidir por qual plano contratado e não se arrepender depois por descobrir que outra seguradora oferece o mesmo serviço, mas com preço menor.

  1. Análise a necessidade do seguro contratado

O seguro de vida tornou-se muito importante com as atuais alterações no INSS. O trabalhador corre o risco de sofrer de invalidez e ainda não receber nada do governo. Já no caso do seguro, se for contratado o plano de invalidez, o trabalhador poderá ficar mais tranquilo caso o trabalho dele seja prejudicado. Mas para não sair contratando um serviço que não será útil, você deverá primeiramente se perguntar qual seria a quantia de dinheiro necessária para bancar todas as suas despesas? Depois disso você poderá contratar o serviço de acordo com a sua real necessidade.